A Ferreira Gullar

Janeiro de 2017 por

Poesia de Rô Fonseca em homenagem a Ferreira Gullar.

leia mais

Minha Cama

agosto de 2015 por

Na minha cama dormia o sonho de ser poeta. Por favor, Não me desperte.

leia mais

Ilha de Capri

junho de 2015 por

Minha esposa, filha de pescador, chorava, segurava meu braço, chamava por todos os santos, conhecidos e pelos desconhecidos.

leia mais

Sonhos de Poeta

Fevereiro de 2010 por

Um dia, pensei ser feliz. Me fiz poeta. No outro dia, voltei a realidade. Me fiz tolo.

leia mais